Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 19 de abril de 2010

19 de Abril de 2010 - Igreja Recorda Hoje os Cinco Anos do Pontificado de Bento XVI


"Às 18 horas e 43 minutos de 19 de abril de 2005, foi anunciado ao mundo o nome do 264° sucessor de Pedro. Essas foram as palavras do Protodiácono, Cardeal Jorge Arturo Medina: Annuntio vobis gaudium magnum; habemus Papam: Eminentissimum ac Reverendissimum Dominum, Dominum Josephum, Sanctae Romanae Ecclesiae Cardinalem Ratzinger, qui sibi nomen imposuit Benedictum XVI".


Sobre os temas culminantes desses cinco anos de Pontificado, o Padre Federico Lombardi dedicou seu editorial para Octava Dies, o semanário informativo do Centro Televisivo Vaticano. "O tempo passou rapidamente e os acontecimentos sucederam-se num ritmo intenso nos cinco anos – agora já completos – deste pontificado. Para os ler corretamente, há que voltar com o pensamento à Capela Sistina, à manhã após a eleição, quando o novo Papa, recolhendo a herança espiritual do seu grande predecessor, indicou as prioridades que haveriam de orientar o seu serviço 'na vinha do Senhor."


São elas: a relação do homem com Deus, que se nos revelou em Jesus Cristo, encontrado de modo especial na Eucaristia, no culto da Igreja. O compromisso de se empenhar, "sem poupar energias", em reconstituir "a unidade plena e visível de todos os que seguem a Cristo". O desejo de responder ao "pedido de ajuda da parte da humanidade de hoje, que, abalada por incertezas e receios, se interroga sobre o seu futuro". O diálogo "aberto e sincero" com os que seguem outras religiões ou com os que procuram simplesmente resposta às questões fundamentais da existência, "para a busca do verdadeiro bem do homem e da sociedade".


"Não há dúvida que têm sido estas as verdadeiras prioridades do pontificado. Empreendidas com coerência e com coragem, num contexto tantas vezes minado por tensões e obstáculos. Mas Bento XVI tinha dito que não procuraria fazer brilhar a sua própria luz, mas sim a de Cristo."

As Homenagens

Pe. Lombardi recorda algumas etapas de suas viagens internacionais, como Auschwitz, Istambul, Nova Iorque, Sydney, Paris, a África, Jerusalém. E alguns momentos significativos, em sinagogas e mesquitas, e as publicações de encíclicas sobre a caridade, sobre a esperança, sobre a ética no desenvolvimento, na economia e no respeito pelo meio ambiente.


"Um balanço rico e denso, de serviço a Deus e à humanidade. Um caminho a prosseguir com uma rota segura" – conclui. "Sob a presidência do cardeal Angelo Sodano, decano do colégio cardinalício, 60 cardeais se encontrarão hoje com o Papa Bento XVI para um almoço, oferecido por eles por ocasião do 5º aniversário da eleição do cardeal Joseph Ratzinger ao papado.



O cardeal decano fará um discurso em homenagem ao Papa Bento XVI. O aniversário do pontificado é celebrado no Vaticano sem grandes festas, somente como feriado para todos os dependentes e funcionários vaticanos. A paróquia de sant'Anna promoverá a adoração eucarística pelo Papa.

A Agenda de de Sua Santidade 
O pontífice que completou na última sexta-feira, 16 de abril, 83 anos. Hoje, encontra 60 cardeais, entre eles alguns dos 111 purpurados que estão na idade da eleição, isto é, antes do 80 anos. Espera-se que nos próximos meses o Papa anuncie a da data do próximo consistório, o terceiro de seu pontificado. O papa Bento XVI agradeceu ao Colégio dos Cardeais pela proximidade e apoio no exercício de seu ministério durante o almoço oferecido pelos religiosos em ocasião do quinto aniversário de seu Pontificado.


O decano dos cardeais, Angelo Sodano, homenageou o chefe máximo da Igreja Católica afirmando que o Colégio Cardinalício "é uma grande família, sempre unida ao sucessor de Pedro e comprometida a viver em um mútuo espírito de comunhão fraterna". De acordo com informações da Rádio Vaticana, a refeição foi feita na Sala Ducal do Palácio Apostólico na presença de 60 prelados residentes em Roma.


Sodano agradeceu a Bento XVI por seu serviço à Igreja e ao mundo. Uma missão, segundo ele, levada adiante "com grande generosidade". O ex-secretário de Estado do Vaticano assinalou que não podem ser esquecidos "os desafios que o mundo moderno coloca a cada discípulo de Cristo", mas que "nos sustenta a luz da esperança cristã, com a certeza que a graça do Senhor continua a trabalhar em meio a nós".

O decano dos cardeais concluiu seu discurso dirigindo a Bento XVI a saudação positiva "Ad multos annos". Eleito pontífice em 19 de abril de 2005, o alemão Joseph Ratzinger substituiu o polonês João Paulo II (1978-2005) à frente do Trono de Pedro.

Nenhum comentário:

Pedidos de Oração